22/04/2010 date_img 6h28

Cinema e Economia Política

livro-2

Se a cultura pode ser ofertada no mercado, ainda que esta não seja a sua missão essencial, ela é também valorização – no sentido não-econômico – das potencialidades criativas de nações, povos e comunidades. Essa ambigüidade é o ponto de partida das reflexões de todos os autores inseridos nesta coletânea. O foco é o cinema, mas o debate extrapola os contornos da mais comercial das artes.

Deparamo-nos com economistas preocupados em valorizar a cultura nacional por meio da indústria cinematográfica e com artistas interessados no fortalecimento do mercado de cinema no Brasil. Olhares invertidos? Ou o começo de uma perspectiva interdisciplinar, interessada na produção de obras originais e viáveis economicamente, desde que o mercado possa ser regulado pelo Estado e este pela sociedade civil?

“Cinema e Economia Política”, que integra a coleção “Indústria Cinematográfica e Audiovisual Brasileira”, coordenada por Alessandra Meleiro, é a prova de que já se encontra preparado o terreno para a gestação de uma “economia política do audiovisual” no Brasil.

Os textos de Marco Farani, Edna dos Santos-Duisenberg, Alessandro Teixeira, César Bolaño e Anna Carolina Manso, Valério Cruz Brittos e Andres Kalikoske, Fabio Sá Earp e Rodrigo Guimarães e Souza, Marcos Alberto Sant´Anna Bitelli, Isaura Botelho e Alexandre Barbosa permitem também constatar que este campo de conhecimento, além da interdisciplinaridade que lhe é intrínseca, não se esgota na reflexão, estando muito freqüentemente associado à busca de novos caminhos para a ação política transformadora das relações econômicas e sociais.

Sumário

Introdução: Alexandre Barbosa

I. Cinema e Política: A política externa e a promoção do cinema brasileiro no mercado internacional - Marco Farani

1. O apoio do MRE ao cinema brasileiro no exterior
2. A atuação do Ministério das Relações Exteriores
3. Semanas de cinema brasileiro no exterior: uma iniciativa exemplar
4. Festivais internacionais: o trabalho do MRE na abertura de portas para o cinema brasileiro
5. O cinema brasileiro como instrumento de nossa política externa
6. O prêmio Itamaraty para o cinema brasileiro: um prêmio de prestígio
7. Ações no campo político
8. Por uma política externa audiovisual
9. Conclusões

II. A economia criativa e a indústria cinematográfica na sociedade contemporânea - Edna dos Santos-Duisenberg

1. Economia criativa: um conceito em evolução
2. Desafios da economia criativa para os países em desenvolvimento
3. Brasil: desafios contornáveis e oportunidades viáveis

III. Fortalecimento de negócios audiovisuais no mercado externo: um olhar sobre o setor cinematográfico - Alessandro Teixeira

1. Introdução
2. O setor cinematográfico no Brasil
3. Um olhar global
4. A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) – histórico e missão
5. Projetos Setoriais Integrados (PSIs) – Foco no setor audiovisual
6. Conclusões

IV. Para uma economia política do audiovisual brasileiro. Cinema, televisão e o novo modelo de regulação da produção cultural - César Bolaño e Anna Carolina Manso

1. O modelo brasileiro de regulação das comunicações em transição
2. O cinema nacional na mudança do modelo de regulação do audiovisual
3. O padrão Globo de cinema: estratégias empresariais
4. Digitalização, redução de custos e concentração
5. Conclusões

V. Economia e audiovisual: as barreiras à entrada nas indústrias culturais contemporâneas - Valério Cruz Brittos e Andres Kalikoske

1. Introdução
2. Economia e audiovisual
3. Barreiras e lógicas
4. Teledramaturgia e fluxo
5. Conclusões

VI. Incentivando a produção de “blockbusters” no Brasil  - Fábio Sá Earp e Rodrigo Guimarães e Souza

1. Introdução
2. O problema do preço do ingresso
3. O grande público resulta do lançamento de blockbusters
4. O problema fiscal
5. Esboço de uma proposta
6. Conclusões

VII. Ética e Direito aplicados ao cinema e ao audiovisual - Marcos Alberto Sant’Anna Bitelli

1. Introdução
2. O direito brasileiro e a indústria audiovisual
3. Direitos autorais e produção audiovisual
4. Os direitos sobre o audiovisual no ambiente da Internet e da TV 2.0

VIII. As práticas do audiovisual na Região Metropolitana de São Paulo - Isaura Botelho

1. O uso do tempo livre e as práticas culturais
2. Algumas considerações sobre as práticas culturais
3. Práticas relativas ao audiovisual na pesquisa
4. A etapa qualitativa
5. Conclusões

Leia a introdução do livro “Cinema e Economia Política”

Saiba mais sobre a coleção “Indústria Cinematográfica e Audiovisual Brasileira”

SERVIÇO
Título: Cinema e Economia Política
Coleção: Indústria Cinematográfica e Audiovisual Brasileira (Volume II)
Organizadora: Alessandra Meleiro
Editora: Escrituras
Páginas: 240
Preço: R$ 25,00

foto-livros-na-vitrine-livraria-frei-caneca3