8/12/2009 date_img 5h10

O nordestino no cinema

barravento

Por Jacqueline Freire Costa Matias

O cinema brasileiro tem retratado o Nordeste do país desde as décadas de 1940 e 1950, com histórias que definem um cotidiano de sonhos e aspirações no qual interagem personagens que fazem a história do cinema nacional. Durante as décadas de 1960 e 1970, o Cinema Novo abraçou a temática nordestina, apresentada com a secura do sertão e dos nordestinos trabalhadores que buscam uma vida digna. Durante a década de 1960 surge o fenômeno baiano, que deu origem a um conjunto de filmes realizados na Bahia, como o “Pagador de Promessas”, “Barravento” e “Deus e o diabo na terra do sol”.

Durante todos esses anos muitas produções, buscaram mostrar o nordestino como imigrante, como aquele que foge do seu lugar de origem por falta de condições básicas de vida. Atualmente, a temática do sertão não é mais tão comum nas películas sobre o Nordeste, mas ainda a vemos, como nos filmes “Eu, Tu, Eles” e “O Caminho das Nuvens”, estudados durante este trabalho.

No cinema brasileiro, o nordestino aparece muitas vezes associado a signos como a seca e a pobreza. Muitas vezes, também é apresentado como um homem forte e corajoso. A pesquisadora Carla Paiva afirma que os filmes operam e categorizam uma multiplicidade de imagens, marcadas e reconhecidas por estereótipos fincados na discriminação econômica e política. O cinema brasileiro copia uma tendência da literatura brasileira de firmar o homem nordestino apenas como sertanejo, e essa tendência é refletida a partir de uma leitura equivocada do livro “Os Sertões” e da literatura regionalista que caracterizou o sertão como um espaço de purgatório, de inferno ou de paraíso.

Entre 1960 e 2000 foram produzidos mais de 50 filmes brasileiros com a temática nordestina. Nesses filmes, o nordestino é representado por meio de signos de nordestinidade como a seca, a pobreza, o coronelismo, a fome, a virtude, a mistura de religiosidade nordestina como o catolicismo e o candomblé.

Este trabalho consiste na apresentação de resultados da pesquisa realizada com o objetivo de verificar a imagem do personagem nordestino que aparece em dez filmes. A escolha foi feita de forma aleatória baseando-se apenas no critério de selecionar cinco filmes de diretores que nasceram no Nordeste e cinco de diretores nascidos de outras regiões do país.

Faça o download e confira a pesquisa na íntegra.